Loomio

SEDE - Candidatura Porto Alegre

D
DanPrazeres Public Seen by 514

Temos duas cidades candidatas a sede de nosso Encontro Nacional: Porto Alegre e São Paulo.

Escolheremos qual cidade será sede da seguinte maneira:

Será aberto um tópico para cada cidade no subgrupo “II Anapirata” (ESTE TÓPICO É DA CIDADE DE PORTO ALEGRE)
A votação se encerrará no dia 23 de março, conforme edital, às 23h59.
Ao final da votação, a cidade que tiver mais votos “de acordo” vence e é oficialmente anunciada SEDE do Encontro Nacional. Serão ignoradas o restante das posições (abstenção, bloqueio, desacordo).
SEGUE PROPOSTA DO COLETIVO DE PORTO ALEGRE


Proposta para sediar a ANAPIRATA 2016 em Porto Alegre - RS

> A presente proposta tem por objetivo fazer a(o) leitor(a) perder tempo lendo burocracias irrelevantes, adicionar piadas ao decorrer do texto, e já que estamos aqui, aproveitar pra dentro do possível e respeitando nossas limitações, satisfazer as premissas estabelecidas no edital para escolha da sede do Encontro e Assembleia Nacional do PIRATAS - Partido Pirata (ANAPIRATA) no ano de 2016, com a intenção de viabilizar que a mesma aconteça na cidade de Porto Alegre no estado do Rio Grande do Sul.

Da organização do evento

A ANAPIRATA 2016 Porto Alegre será organizada pelo coletivo pirata gaúcho, através de seus meios de comunicação e desorganização habituais, ou outros que venham a ser utilizados para este fim.

Voluntárias(os) que quiserem somar deverão buscar integração e interação com a organizaçao do evento.

Estejam a secretaria colegiada, as coordenações regionais e a tesouraria nacional intimadas para se manterem disponíveis e auxiliarem no processo, conforme preconiza o edital.

A comunhão de esforços das(os) supracitados forma o grupo referenciado por este documento como "organização do evento".

Da data do evento

A ANAPIRATA 2016 Porto Alegre deverá acontecer nos dias 25, 26 e 27 de novembro de 2016.

Da conexão de internet no evento

Ambos locais contatados e elencados para o evento garantiram a velocidade mínima de conexão à internet estipulada pelo edital.Os locais sugeridos para alojamento também contam com conexão à internet.

Os locais reservados para o evento contam com a estrutura necessária para a transmissão ao vivo do evento e para participação remota, além de que a organização do evento garantirá os equipamentos e pessoal necessários para tanto.

Dos procedimentos para confirmação da presença e participação de piratas associados/as

A organização do evento contará com apoio e auxílio do GTI em formação do PIRATAS para disponibilizar um formulário online para inscrições.

Na eventualidade do GTI em formação não poder auxiliar, será utilizado o mesmo formulário utilizado na Assembleia Regional Sul 2015, ou ainda, qualquer sistema de formulário gratuito.

A organização do evento ficará responsável pelas inscrições presenciais no ato do evento, assim como a coleta de assinaturas na lista de presença.

A organização do evento ficará responsável por identificar e distinguir piratas associados/as (com direito a voz e voto), observadores e ouvintes (sem direito a voto, facultado direito a voz).

Das opções de hospedagem

Alojamento gratuito: A organização do evento sugere que as(os) participantes utilizem o espaço do Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju como alojamento, que é o mesmo local que sediará o evento nos dias 26 e 27 de novembro e que está sendo disponibilizado de forma gratuita durante os três dias do evento. Este espaço conta com alojamento para 80 (oitenta) pessoas, cozinha com serviço de cozinheira incluído, chuveiros elétricos. É necessário levar roupa pessoal e roupa de cama individual, além de que há transporte previsto de ida e volta para este lugar conforme descrito abaixo.

Alojamento pago: A organização indicará hotéis e hostels de diversos custos para as pessoas que preferirem serviço comercial e pago. Os nomes e locais não são divulgados nesta proposta intencionalmente afim de não fazer propaganda para estabelecimentos comerciais. Quem optar por esta modalidade deverá entrar em contato com a organização, que providenciará todas as informações necessárias.

Alojamentos alternativos: Alguma(un)s piratas de Porto Alegre são adeptas(os) da cultura de hospedagem solidária e couchsurfing e poderão alojar pessoas que precisaremvir à cidade alguns dias antes ou ficar alguns depois do evento. Além disto, Porto Alegre é conhecida (na cena underground) como a cidade onde os moradores de rua melhor vivem, e as pessoas que gostam de acampar em praças públicas têm espaços disponíveis como por exemplo a Redenção, também conhecida como Parque Farroupilha.

Do local do evento

A abertura da assembleia será na Sala de Convergência da ALERGS - Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, no dia 25 de novembro. A ALERGS se situa na praça Matriz, também conhecida como praça dos três poderes, praça marechal deodoro da fonseca, praça sérgio toniolo, praça do occupy porto alegre, entre outros nomes.

Nos dias 26 e 27 de novembro, o evento será no Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju, que conta com as condições estipuladas pelo edital para a realização do evento. O assentamento está localizado na parada 72 de Viamão - RS, sendo que o transporte do centro de Porto Alegre até este local está garantido e descrito abaixo no espaço pertinente.

Na eventualidade de algum contratempo em relação à disponibilidade dos locais reservados alheio ao poder da organização do evento, como por exemplo, mas não limitado a interferência de ciclones extra tropicais como é comum na região, há disponibilidade e garantia de outros locais que já foram utilizados pelo coletivo gaúcho para reuniões do PIRATAS na mesma cidade de Porto Alegre, garantindo desta forma a realização do evento.

Do material de escritório para o evento

Solicitamos auxílio da Tesouraria do PIRATAS para uso do dinheiro em caixa para aquisição de material de escritório que se faça necessário. Embora tenhamos pensado nisto, não há garantia, neste momento, de que conseguiremos tudo o que se fizer necessário.

Do registro do evento

A organização do evento conta com o apoio de membros de coletivos de midia independente diversos de Porto Alegre afim de garantir o registro de imagens e eventuais registros audiovisuais do evento. Algumas destas pessoas solicitaram à organização que não associasse o nome de seus coletivos com o partido, então nenhum dos coletivos será citado, embora as(os) participantes poderão conhecer pessoalmente estas pessoas.

Voluntárias(os) do partido que forem midiativistas e que quiserem colaborar fotografando e filmando o evento com o nosso equipamento são bemvindas(os). Quem puder e quiser trazer seu equipamento também é bemvinda(o). Todo o material produzido preferencialmente deveria ser enviado à organização para que esta possa fazer a edição posterior, aumentando assim a colaboratividade neste processo.

O equipamento para captação de som em alta qualidade está garantido pelos locais do evento, assim como equipamento reserva está garantido por piratas voluntárias(os), e será o mesmo utilizado para streaming ao vivo.

O mesmo equipamento utilizado para fazer streaming ao vivo servirá para o registro audiovisual completo do evento, sendo que a organização tentará usar equipamento de alta qualidade de captação de imagem a maior parte do tempo, sem prejudicar os registros fotográficos que serão feitos com o mesmo equipamento.

Da infraestrutura para o evento

Da Alimentação

O alojamento do Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju conta com cozinha e pessoas trabalhando na cozinha. A organização está responsável pela aquisição da alimentação, e o custo total é divido pelo número de pessoas e estimamos aproximadamente R$ 30,00 (trinta reais) por pessoa durante os três dias do evento incluindo todas as refeições, assim como opção vegana. O alimento sera adquirido no próprio assentamento, ou seja, a comida será orgânica e direto da fonte, sem intermediários.

As pessoas que desejarem se alimentar no centro de Porto Alegre em restaurantes mais refinados e burgueses terão que se organizar com transporte de forma autônoma, leia mais sobre isto abaixo na parte de logística.

Do material

A organização do evento juntamente com a ALERGS providenciará material como microfone, computador, datashow, etc. no dia 25.

A organização do evento juntamente com o Assentamento Sepé Tiaraju providenciará equipamento necessário nos dias 26 e 27.

A organização do evento tem contato com várias instituições políticas e não governamentais com disponibilidade de equipamento adicional no centro de Porto Alegre que pode ser levado ao local do evento em caso de necessidade.

Da logística para o evento

Do transporte até Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Sugerimos que as pessoas que precisam vir de outros estados para Porto Alegre utilizem os espaços comuns do PIRATAS, como por exemplo mas não limitado a grupos no Telegram, grupos no Facebook, e o próprio Loomio como forma de organização colaborativa e solidária para transporte até Porto Alegre.

A organização se compromete a criar, manter e divulgar os espaços virtuais supracitados para facilitar estas combinações e troca de informação como por exemplo promoções de passagem de avião. Acreditamos que esta informação deve ser divulgada em grupos fechados de interesse restrito, e não em documentos públicos como esta proposta.

Do transporte local

Reforçamos a sugestão de permanecer no local do evento, pois disponibilizamos um transporte fretado no valor de R$ 600,00 (seiscentos reais) que levará todas as pessoas da ALERGS (centro de Porto Alegre) até o Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju (parada 72 de Viamão) logo que o evento de abertura do dia 25 terminar, e o mesmo transporte posteriormente trará todas as pessoas de volta para o centro de Porto Alegre assim que o evento do dia 27 terminar. Sendo assim, o único custo individual para as pessoas seria o transporte do aeroporto de Porto Alegre até a ALERGS, que esta descrito abaixo.

Às pessoas que por algum motivo não quiserem se alojar no assentamento conforme o proposto, damos as seguintes sugestões:

  • Utilizem transporte seletivo (taxi), a organização do evento disponibilizará telefones de várias cooperativas e taxistas particulares para as pessoas que solicitarem;

  • Utilizem as bicicletas "públicas" parceria entre a Prefeitura Municipal de Porto Alegre e uma empresa privada, bastando para isto cadastrarem um cartão de crédito juntamente com a mesma. Detalhes serão fornecidos para quem entrar em contato com a organização;

  • Utilizem transporte coletivo saindo do centro de Porto Alegre, seguindo estas instruções: Na rodoviária de Porto Alegre, pegar o ônibus da Empresa Palmares, com destino a Passo do Vigário ($ 5,30). Descer na parada 72, logo após o pedágio. Cruzar a rodovia e entrar à direita, numa estrada de chão batido. Avançar pelo menos 1km até avistar a bandeira do MST;

  • Utilizem carro alugado ou próprio seguindo as seguintes instruções: Pegar a Rodovia RS-040 em direção ao litoral. Logo após o pedágio. próximo a parada 72, cruzar a rodovia e entrar àdireita, numa estrada de chão batido. Avançar pelo menos 1km até avistar a bandeira do MST;

  • Simplifiquem e adotem o esquema proposto que é melhor.

Do transporte de e para o local do evento

Sugerimos o transporte coletivo de metrô que conta com um aeromóvel do Aeroporto Salgado Filho até a estação de trem, e está atualmente com tarifa de R$ 1,70 (um real e setenta centavos). Pegue o metrô no sentido "Mercado" e desça na ultima estação de nome "Mercado". Desta estação é possível ir a pé até a ALERGS (cerca de 2 a 10 minutos), de taxi (cerca de 2 a 10 minutos), ou de ônibus linhas C1 e C3 cujo fim/início da linha é ao lado da estação de trem (cerca de 20 a 40 minutos).

Sugerimos também o "frescão", que é o ônibus coletivo linha T5 que sai diretamente do Aeroporto Salgado Filho e leva até o Shopping em frente ao Parque Marinha do Brasil.

Da estação do shopping é possível pegar qualquer ônibus em direção ao centro e descer no fim da linha (cerca de 2 minutos). Um trajeto alternativo e mais rápido é descer na rua Santo Antônio, caminhar alguns metros e tomar o ônibus da linha C3 na Avenida Independência que tem uma parada em frente à ALERGS, ou ainda tomar a lotação da linha Rio Branco na Avenida Independência que também para em frente à ALERGS.

A tarifa do ônibus em Porto Alegre está atualmente fixada em R$ 3,25 (três reais e vinte e cinco centavos) graças aos protestos de rua do Bloco de Luta pelo Transporte Público que foi crucial para a revogação do aumento da passagem em 2013 e 2016. A tarifa da lotação (transporte seletivo) está prevista para novembro a ser fixada em R$ 5,60 (cinco reais e sessenta centavos), sendo que atualmente está fixada em R$4,85 (quatro reais e oitenta e cinco centavos).

Quem morar na região metropolitana de Porto Alegre ou próximo, damos as seguintes sugestões além das acima descritas:

  • Utilizem transporte coletivo saindo do centro de Porto Alegre, seguindo estas instruções: Na rodoviária de Porto Alegre, pegar o ônibus da Empresa Palmares, com destino a Passo do Vigário ($ 5,30). Descer na parada 72, logo após o pedágio. Cruzar a rodovia e entrar à direita, numa estrada de chão batido. Avançar pelo menos 1km até avistar a bandeira do MST;

  • Utilizem carro alugado ou próprio seguindo as seguintes instruções: Pegar a Rodovia RS-040 em direção ao litoral. Logo após o pedágio. próximo a parada 72, cruzar a rodovia e entrar àdireita, numa estrada de chão batido. Avançar pelo menos 1km até avistar a bandeira do MST;

Ao término do evento, o ponto de saída é a ALERGS e a rota sugerida é descer até a
estação de trem e tomar o metrô até o Aeroporto Salgado Filho, de preferência todo
mundo junto e parando em todos os bares do caminho.

Do transporte de alojamentos para o local do evento

O alojamento é o mesmo local do evento para quem seguir o proposto de permanecer alojada(o) gratuitamente no Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju. As pessoas que optarem por alojamento alternativo terão que se organizar de forma autônoma com transporte.

Do planjemento financeiro para o evento

Gasto previsto com transporte:

R$ 600,00 (seiscentos reais) referente ao transporte fretado da ALERGS para o Assentamento Sepé Tiaraju, compreendendo ida e volta, sendo a ida no dia 25 de novembro de 2016 logo após o encerramento da abertura da ANAPIRATA 2016 Porto Alegre na Sala de Convergência da ALERGS, e a volta logo após o encerramento da ANAPIRATA 2016 Porto Alegre no Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju.

De R$ 3,40 (três reais e quarenta centavos) até R$ 16,40 (dezesseis reais e quarenta centavos) refente ao transporte coletivo do aeroporto até o local do evento por pessoa. Este valor pode aumentar significativamente na eventualidade de uso de transporte seletivo.

Valores para cálculo:

  • Metrô: R$ 1,70 (um real e setenta centavos);
  • Ônibus coletivo: R$ 3,25 (três reais e vinte e cinco centavos);
  • Lotação seletiva: R$ 5,60 (cinco reais e sessenta centavos);
  • _Tax_i: R$ 5,02 (cinco reais e dois centavos) a bandeirada, R$ 2,51 (dois reais e coniquenta e um centavos) para bandeira 1 e R$ 3,27 (três reais e vinte e sete centavos) para bandeira 2 (das 20:00 às 06:00, sábados após às 15:00 e domingo todo o dia) por quilômetro rodado.

Gasto previsto com alojamento:

R$ 0,00 (zero reais) caso a proposta de alojamento gratuito no Centro de Formação Filhos de Sepé do Assentamento Sepé Tiaraju seja aproveitada.

Hotéis, hosteis e afins terão um preço maior que zero a ser arcado individualmente por quem optar por esta modalidade, além de que isto implica no aumento do preço detransporte do alojamento para o local do evento.

Gasto previsto com alimentação:

Aproximadamente R$ 30,00 (trinta reais) por pessoa referente à alimentação nos três dias de evento (exclusive o almoço do dia 25) com alimento orgânico produzido e adquirido no Assentamento Sepé Tiaraju, sendo que a cozinha e o serviço de cozinha está à disposição gratuitamente.

Os valores de almoço no centro de Porto Alegre variam de R$ 6,00 (seis reais) até R$ 60,00 (sessenta reais), sendo a média em torno de R$ 15,00 (quinze reais), e a maioria das opções de R$ 10,00 (dez reais) até R$ 20,00 (vinte reais). A culinária gaúcha é conhecida pela abundância de comida e variedade, sendo que Porto Alegre tem a peculiaridade de oferecer algumas opções veganas, o que não é comum no resto do estado do Rio Grande do Sul;

Gasto previsto com material de escritório:

O preço do material no centro de Porto Alegre é similar ao preço médio de qualquer capital do Brasil. Solicitamos auxílio da Tesouraria do PIRATAS para financiar o material de escritório, pois não temos nenhuma garantia de que conseguiremos doações, embora existam perspectivas para tanto.

Gasto previsto com passagens de avião

Cientes de que Porto Alegre é uma cidade remota para moradores das regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte, sugerimos e pedimos que o partido colabore com piratas destas regiões em relação ao custeio parcial de passagens, além de que a organização do evento dedicará esforços para garantir a participação remota de piratas de todo o Brasil e mundo através de recursos de audio e videoconferência pela internet. A participação de piratas destas regiões é considerada de suma importância pela organização do evento, assim como pelo coletivo gaúcho.

Sugestões de campanhas de financiamento

Sugerimos que piratas mais próximos de Porto Alegre (Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro) calculem o preço da passagem de avião até Porto Alegre, comparem com o preço da passagem que pagariam piratas menos próximos de Porto Alegre (região Norte, região Nordeste, região Centro Oeste, Espírito Santo e Minas Gerais) e doem uma porcentagem da passagem de avião destas pessoas;

Sugerimos que a Tesouraria do PIRATAS, o GTC do PIRATAS somem esforços com a organização do evento para fazer uma campanha de financiamento coletivo (crowdfunding), usando como mote o fato de que a ANAPIRATA é uma condição necessária para existência e oficialização do PIRATAS e as pessoas que desejam apoiar o partido podem colaborar financeiramente com este evento;

O coletivo gaúcho tem material promocional como por exemplo canecas, bottons, bandeiras, adesivos e outras coisas com a temática do partido que são vendidas para piratas que puderem e quiserem, sendo que o dinheiro é revertido para o caixa do coletivo gaúcho, e portanto, para a realização da ANAPIRATA 2016 Porto Alegre;

Rejeitamos financiamento e apoio de empresas privadas e corporações para realizar um evento desta natureza, até onde isto é possível, sendo que este evento sera possível graças a relações e parcerias com organizações de militância e vanguarda política, assim como movimentos sociais organizados. Reforçamos o crowdfunding como ferramenta legítima de financiamento de uma organização que se propõe a piratear a política.

Considerações finais

Detalhes sobre o local escolhido para o evento

> O assentamento, inserido na Área de Proteção Ambiental (APA) do Banhado Grande faz divisas com o Refúgio de Vida Silvestre Banhado dos Pacheco. Este espaço foi estrategicamente escolhido pela referência de luta e nas práticas de agroecologia e permacultura. Neste local onde há 10 anos são realizadas pesquisas em saneamento com tecnologias sociais, hoje já espalhadas nos assentamentos urbanos e rurais do Rio Grande do Sul e Brasil, comobioconstrução, produção de arroz ecológico e o viver em comunidade junto à natureza.

Tradição e localidade sem fronteiras nem bairrismos

Conclamamos as(os) gaúchas(os) e demais adeptas(os) do chimarrão a levarem garrafa térmica, cuia, bomba (de chimarrão), erva (mate) para o evento, com a finalidade de compartilhar esta bebida tradicional que é uma das poucas tradições brasileiras (no sentido local, não nacionalista) originária dos povos que aqui habitavam antes do período da colonização. Convidamos as pessoas que não conhecem e que já conhecem a bebida a fazer parte do ritual de roda de chimarrão conosco como forma de socialização. Solicitamos encarecidamente que piratas mineiras(os) tragam para Porto Alegre o quanto puderem de bebidas artesanais e/ou comerciais feitas com chapeu de couro e erva mate, como por exemplo, mas não limitado a "Mate Couro".

Solicitamos encarecidamente que piratas nordestinas(os) tragam para Porto Alegre o quanto puderem de cajuína artesanal ou industrial.

Solicitamos encarecidamente que piratas que venham da Alemanha tragam para Porto Alegre o quanto puderem de KloopMate.

Outras considerações e justificativas

Na eventualidade desta proposta ser acolhida, a organização do evento solicitará ao GTI do PIRATAS o endereço de e-mail anapirata2016@partidopirata.org e se colocará à disposição através deste endereço para dirimir quaisquer dúvidas acerca do evento, além de fornecer as informações prometidas ao longo desta proposta.

Correções, adendos e ajustes à presente proposta serão divulgados no site do coletivo gaúcho piratasgauchos.com.br e replicados nos espaços comuns de comunicação do PIRATAS.

Durante o período de votação, qualquer informação que esquecemos de incluir neste texto será esclarecida por pessoas diretamente envolvidas na construção desta proposta.

Organização e disponibilidade

Salientamos novamente a importância de piratas das regiões Centro Oeste, Nordeste e Norte participarem desta e de todas ANAPIRATAs, visto que assim como ocorre na política tradicional e ortodoxa, a maior presença em movimentos nacionais geralmente é do eixo RJ-SP, e o PIRATAS não é excessão.

Sendo assim, dedicamos esforços para minimizar os custos locais com hospedagem ealimentação ao máximo, cientes do alto custo de passagem aérea.

Ainda neste sentido, decidimos propor que a ANAPIRATA 2016 seja realizada no final de Novembro, afim de dar o máximo possível de tempo para a compra de passagens aéreas com o menor preço.

No mesmo sentido, um dos nossos principais esforços será em viabilizar a participação remota e insistimos em assembleias descentralizadas e distribuídas, que podem acontecer presencialmente em mais de um lugar sendo unidas pela internet.

O melhor time de futebol do Rio Grande do Sul é o Sport Club Internacional.

D

DanPrazeres Thu 3 Mar 2016

Não estou conseguindo editar o tópico corretamente, então a proposta está anexada nesse post

D

DanPrazeres started a proposal Thu 3 Mar 2016

Eu voto em PORTO ALEGRE para sede da II ANAPIRATA Closed Thu 24 Mar 2016

DE ACORDO significa aprovar a cidade de Porto Alegre para sede da próxima ANAPIRATA.

Todas as outras opções de voto serão ignoradas. O candidato a sede que tiver mais votos "de acordo" entre Porto Alegre e São Paulo vence.

Isso significa que você pode votar tanto em uma cidade só, como pode votar em ambas caso ache igualmente interessante que ocorra em qualquer uma das duas.

Agree - 26
Abstain - 11
Disagree - 0
Block - 0
37 people have voted (16%)
LS

Leonardo Sampaio
Agree
Thu 3 Mar 2016

Condizente com os valores piratas. Enquanto esta nos mantém em contato com um assentamento, com comida vegana e agroecológica, a outra tem um "plano" com direito à balada VIP. Apoio PoA e se vencer me comprometo a colaborar na captação de áudio.

SW

Silva Wagner
Abstain
Thu 3 Mar 2016

É uma falta de consideração primeiramente permitir dois anos seguidos na mesma região. Segundo, não ter ainda desde a fundação um encontro em um lugar central do brasil. Centro oeste, ou sudeste. Terceiro esse lado competitivo ao inves de consensual.

IVL

Ian Victor Leite
Abstain
Mon 7 Mar 2016

Gostei bastante da proposta de POA. Não acompanho porque a última Assembleia já foi na região Sul. Além disso, com a distância das regiões Norte-Nordeste, a tendência é agregar menos gente. Prefiro uma localização mais central, como SP.

DSC

Dagmar Silnara Camargo
Agree
Wed 9 Mar 2016

Realizar em Porto Alegre II AnaPirata com um mínimo de custos para facilitar a vinda de outros Estados.

DU

[deactivated account]
Abstain
Fri 11 Mar 2016

Eu preferia que escolhêssemos por consenso, discutindo a questão pesando o coletivo acima do individual. Por mim, seria em Porto Alegre. Ouço as reclamações do norte/nordeste e voto em São Paulo.

IG

Iuri Guilherme
Agree
Mon 14 Mar 2016

De acordo com os relatos do pessoal do nordeste, a diferença do preço da passagem é irrelevante, então, voto na proposta mais elaborada.

TJF

Thomaz J Ferreira dos Santos
Agree
Tue 15 Mar 2016

AHOY!

MC

Maurício Coeli
Agree
Wed 16 Mar 2016

Proposta com mais consistência e penso que o baixo custo pesa. Poderia inclusive tentar-se arrecadar o que seria gasto em Sampa e ajudar com passagens para POA no caso de piratas do Norte e Nordeste.

SN

sebastiao nascimento
Agree
Fri 18 Mar 2016

de longe a proposta mais bem elaborada. a grande diferença nos preços de passagem é um mito e, se a preocupação é a economia real para os participantes, esta decorrerá da excelente organização da hospedagem e do custo bem mais baixo de tudo em poa.

JRR

Juliano Rombaldi Rodrigues
Agree
Tue 22 Mar 2016

Proposta completa.

THK

Tatiana H. Kawamoto
Abstain
Tue 22 Mar 2016

Fico à disposição para ajudar na proposta que vencer e trabalhar para incentivar que mais piratas participem. O encontro presencial é importante para que se construa a confiança mínima para construir o partido. AHOY!

THK

Tatiana H. Kawamoto
Abstain
Tue 22 Mar 2016

Fico à disposição para ajudar na proposta que vencer e trabalhar para incentivar que mais piratas participem. O encontro presencial é importante para que gerar a confiança mínima para construir o partido. AHOY!

V

Valter
Agree
Wed 23 Mar 2016

só há uma proposta. A de Porto Alegre. A outra é uma pseudo proposta. Mas se SP ganhar, vou querer reservar, desde já, duas garrafas 750ml de Chivas 18 anos e 12 garrafas de 500ml de água sem gás com ph básico (acima de 7), pra festeenha vip.

MF

Man Filho
Abstain
Thu 24 Mar 2016

Amo POA demais, a galera é MUITO gente boa, mas não encontrei passagem barata e tô super sem grana, malz aê galera, medo de não conseguir ir :'(

ID

Igor Dias Thu 3 Mar 2016

Na proposta de Porto Alegre tem a data, senão me engano entre os dias 25 a 27 de novembro, caso Sampa ganhe, a data será a mesma?

IG

Iuri Guilherme Thu 3 Mar 2016

A data explicitada na proposta de Porto Alegre é condição necessária para a aceitação e realização da mesma.

A proposta de São Paulo não impõe data, portanto, não é necessário que seja na mesma data.

LS

Leonardo Sampaio Thu 3 Mar 2016

No espírito de completar as lacunas que faltam no projeto, coloco-me à disposição para auxiliar na captação de audio, a fim de garantir gravação/transmissão com clareza nas falas e qualidade profissional.
Já sugiro também que no próximo edital seja pedido foco maior nas PESSOAS do que no EQUIPAMENTO.

KBP

Kristian Brito Pasini Thu 3 Mar 2016

Adoro visitar os CTGs, dou muita risada.

IG

Iuri Guilherme Thu 3 Mar 2016

A piada é válida, mas o lugar escolhido para a ANAPIRATA em Porto Alegre é frequentado por gente que tem uma aversão muito grande à cultura nativista gaúcha.

Leia mais sobre a batalha de porongos e sobre os lanceiros negros, e porque a revolução farroupilha é tida como um movimento da elite burguesa e geralmente rechaçada em espaços de resistência como é o caso deste referenciado na proposta.

IG

Iuri Guilherme Thu 3 Mar 2016

IG

Iuri Guilherme Mon 7 Mar 2016

Esclarecimentos adicionais em relação a gastos individuais

Transporte de avião

O preço previsto com transporte individual é uma passagem de avião para Porto Alegre (método mais provável). Está declarado na proposta que a organização do evento está comprometida em auxiliar as pessoas individualmente ou coletivamente em grupo fechado e fornecer dados sobre empresas comerciais que fazem transporte aéreo até Porto Alegre.

Transporte até o local do evento

Resumidamente é R$ 3,40 (ida e volta) pra quem for de trem e aproximadamente R$ 40-70 reais pra quem for de taxi. Preços adicionais com alimentação, hospedagem e hospedagem são voluntários.

O preço coletivo para garantir o transporte de todo mundo do centro de Porto Alegre ao local do evento e de volta está fixado em R$ 600,00 e comparado com alternativas é o mais barato possível.

Alimentação

Estimado em R$ 30,00 reais por pessoa para os três dias. Incluindo tudo.

Preços adicionais com gastos individuais pra quem não quiser aceitar a proposta serão fornecidos pela organização individualmente ou coletivamente, mas não publicamente pra não fazer propaganda.

Hospedagem

É gratuita.

Preços adicionais com gastos individuais pra quem não quiser aceitar a proposta serão fornecidos pela organização individualmente ou coletivamente, mas não publicamente pra não fazer propaganda.


Quem organizou a proposta está ciente do custo adicional que é viajar de avião para Porto Alegre em detrimento de São Paulo. O fato da proposta de Porto Alegre ter resolvido todo o aspecto financeiro de infraestrutura, transporte, alimentação e hospedagem tem por consequência o fato de que o partido, o coletivo, as pessoas, não precisariam gastar com os altos preços do centro de São Paulo com estas coisas, consequentemente nos liberando para dedicar os esforços de captação de recursos para pensar nas passagens de avião das(os) piratas que moram mais longe.

IG

Iuri Guilherme Mon 7 Mar 2016

Esclarecimentos adicionais em relação a baladas VIP

A cultura da esquerda festiva da época pré regime militar também se instaurou em Porto Alegre e a quantidade de liberais que se reivindicam anarquistas com a finalidade de cultuar a libertinagem sexual e o consumo irrestrito de drogas diversas enquanto andam de pés descalços e nadam em lagos públicos é alta.

Sendo assim, recorrentemente e frequentemente são organizadas festas despolitizadas em espaços públicos através da ferramenta preferida da bicho grilagem burguesa da cidade, e no domingo do dia 27 de novembro é altamente provável que alguma destas estará acontecendo no centro de Porto Alegre, além de que nesta época o bairro "Cidade Baixa" estará cheio de gente pós moderna que não sabem em quem vão votar em 2018 e estão abertos pra qualquer coisa que fuja da mesmice das micaretas políticas que são organizadas no centro da cidade.

Estes eventos e interações sociais são organizados de forma autônoma e a participação é gratuita e sem restrições pra partidos políticos da natureza do partido pirata.

As "okupas" anarquistas de Porto Alegre são fechadas e visitantes não são bem vindos, pois representam espaços de formação e resistência política.

As ocupações de moradia têm restrições em relação a partidos, mas nas principais, pessoas do partido pirata têm inserção.

Existem alguns lugares em construção em Porto Alegre que se assemelham ao conceito de "ocupação" cultural como acontece em São Paulo. O mais famoso destes espaços faz parte de um plano de especulação imobiliária para aumentar os preços de uma região de Porto Alegre, com apoio da maior imobiliária da cidade, das fundações Ford e Rockefeller, e é um lugar onde se encontram os hipsters, yuppies e a hipongagem burguesa de forma geral para festas com bolo vegano, cerveja artesanal e suco de beterraba por um preço "super camarada, broder".

Em Porto Alegre o MTST é um movimento de base e as suas ocupações são estritamente de moradia e em periferias, então não há prédios no centro ocupados por estes movimentos como acontece em São Paulo.

Em Porto Alegre o centro da cidade foi elitizado então não há nenhum prédio onde acontecem festas multi culturais durante a madrugada inteira, cujos donos pagam aluguel e mentem que administram uma "ocupação".

IG

Iuri Guilherme Mon 7 Mar 2016

Esclarecimento em relação a vínculos políticos

Uma pessoa sugeriu mais de uma vez que o fato desta proposta preconizar a realização da ANAPIRATA em um assentamento gestionado pelo MST tem como consequência uma ligação política forte com determinado partido e determinado candidato.

Em primeiro lugar, é lamentável este tipo de atitude infantil e irresponsável, não tem justificativa nem desculpa pra isto.

Dito isto, repudiamos este tipo de associação indevida. Quem não conhece a história dos movimentos sociais no Rio Grande do Sul, procure conhecer antes de emitir opiniões e piadinhas desinformadas. Já foi dito, cabe repetir, o MST aqui em Porto Alegre não é esse que chega até as vossas excelências através de televisão e feisse.

Cabe dizer que das três propostas que seriam apresentadas para candidatar Porto Alegre, só uma tinha como condição necessária uma "conversa" com gente de outros partidos. A outra proposta não chegou a ser apresentada, mas tinha uma condição pro espaço ser gratuito igual à que foi apresentada na proposta de São Paulo - "fechar" com gente de outro partido.

Escolhemos não fazer isto.

DU

[deactivated account] Mon 7 Mar 2016

E o MST do Rio Grande do Sul é o diferentão e não vai para as ruas defender Lula? P-(

IG

Iuri Guilherme Tue 8 Mar 2016

Assentamento é um lugar de respeito, já é complicado convencer a deixar gente de um "partido pirata" entrar lá.

O "MST do Rio Grande do Sul" é grande demais pra julgar todo mundo. Se for criticar, começa criticando o teu coletivo que faz propaganda de graça pro Lula.

DU

[deactivated account] Tue 8 Mar 2016

"Meu coletivo" você se refere:
A) Anonymous Brasil
B) Anonymous Rio
C) Páginas de Facebook como Movimento Pro Corrupção, Ursinhos Governistas, Dilma Golpista

DSC

Dagmar Silnara Camargo Wed 9 Mar 2016

Concordo com Porto Alegre mas nem estou conseguindo votar aqui alguém sabe dizer o motivo????

IG

Iuri Guilherme Sun 20 Mar 2016

Desmistificando o argumento de "descentralização":

O conceito regiões políticas do Brasil não foi criado pelo PIRATAS, foi absorvido. Comparar Rio Grande do Sul com Paraná, Porto Alegre com Curitiba é como comparar Ceará com Maranhão com Pernambuco com Bahia e assim por diante.

Além disto, São Paulo é mais próxima de Curitiba do que Porto Alegre.

O argumento de região sul X região sudeste é história pra boi dormir.

O ideal e desejável, obviamente, é que exista rotatividade entre regiões, mas infelizmente as únicas duas propostas apresentadas foram nas capitais mais próximas de Curitiba possível, nem mesmo a terceira capital mais próxima de Curitiba enviou proposta.

DU

[deactivated account] Sun 20 Mar 2016

Que?

SW

Silva Wagner Sun 20 Mar 2016

Essa nem eu entendi. Nem quero.

DU

[deactivated account] Tue 22 Mar 2016

"A organização do evento contará com apoio e auxílio do GTI em formação do PIRATAS para disponibilizar um formulário online para inscrições." Quando isso foi deliberado? Se vocês que bolaram essa proposta estão achando que o Iuri, por ser articulador provisório, é o dono do GTI podem esquecer, isso precisa ser acordado em reunião mas se ELE quiser fazer SOZINHO coloquem o nome DELE e não APOIO DO GTI.

E bom saber que vocês garantem a velocidade mínima(?) de conexão, deveriam trabalhar na Anatel.

IG

Iuri Guilherme Tue 22 Mar 2016

O GTI, o GTC, a Tesouraria, a Secretaria, etc. - todos estes mecanismos têm a prerrogativa de apoiar a ANAPIRATA segundo o estatuto.

Vai encher o saco de quem escreveu o estatuto.

DU

[deactivated account] Tue 22 Mar 2016

Você sozinho não é o GTI, aprenda isso.

Não foi passado nada sobre que tipo de ajuda será necessário do GTI para realização do ANAPIRATA, então fale por você e não pelo GTI.

IG

Iuri Guilherme Tue 22 Mar 2016

Não foi passado nada sobre que tipo de ajuda será necessário do GTI para realização do ANAPIRATA

É óbvio que não, ainda estamos tentando decidir em que cidade será feito.

Quando a cidade for decidida, a organização pertinente solicitará auxílio à tesouraria, ao GTC, ao GTI, à secretaria normalmente.

Leia de novo a proposta e se tiver alguma dúvida eu esclareço. A dúvida que tu apresentou eu já esclareci.

V

Valter Tue 22 Mar 2016

Cara, se o Desci é o como vcs decidiram mesmo? tampão do GTI (?) e, se ele é da área mesmo, em questão, como é, então, ele fala sim pelo GTI, ainda mais sabendo o que vai ser necessário para realizar tais atividades.

pensar melhor antes de criticar pessoas. sair do âmbito pessoal e deixar fruir o das ideias. um pouco melhor.

Se a proposta for aceita, o GTI do Partido Pirata não vai garantir apoio? qué isso cara. Tá 'viajano'. Assim tu espanta quem quer ser do Partido Pirata.

V

Valter Tue 22 Mar 2016

A proposta contém um erro dantesco, o Inter só foi uma vez o melhor time do mundo, e, o seu adversário local já foi uma vez o melhor e uma vez o segundo melhor, desculpa ;).

SW

Silva Wagner Tue 22 Mar 2016

Vida longa ao GTI

HP

Henrique Peer Wed 23 Mar 2016

gostei mto da proposta de vcs!
essa coisa de 'assentamento' ,, todo mundo junto..
acho ótimo para nos conhecer melhor e estreitar nossas relações.
no último encontro, avançamos mto no programa e estatuto e sinto que para colocarmos esses avanços em prática, precisamos estar mais unidos e comprometidos.

P-)

IG

Iuri Guilherme Wed 23 Mar 2016

Vocês não têm limites pra zueira mesmo, crianças.

Quem quiser construir um partido e tiver disposição pra barrar infantilidades me avise que eu faço frente.

D

DanPrazeres Thu 24 Mar 2016

Conforme contagem dos votos, o resultado foi de 32 votos de associados para São Paulo e 22 para Porto Alegre: https://www.ethercalc.org/iianapirata . Algumas pessoas votaram e não estavam associadas, de qualquer maneira o resultado não seria influenciado. Caso tenha esquecido alguém, por favor verifiquem.

D

DanPrazeres Thu 24 Mar 2016

E só pontuando 3 coisas em ambos os tópicos:
As pessoas eram aceitas no grupo II Anapirata assim que solicitassem (talvez demorando 1 dia no máximo que eu me lembre). No fim de semana (não sei se sexta, sábado ou domingo de noite) , descobri que dava para incluir todo mundo no grupo, e assim foi feito.
Por um erro de entender horário gringo, ele dava que ia terminar o tópico ontem meia noite, e logo foi corrigido. Conforme acontece toda vez que um tópico estava para se encerrar, um email é disparado quando falta 24 horas para o término de votação. Isso é, todo mundo, em tese, recebeu 2 emails falando sobre o término da votação.

Quanto às coisas que o Juliano apontou, foi indicado sim que a proposta de São Paulo não cumpriria os requisitos, e que seria uma boa paralisar a votação para receber as lacunas da proposta. Entretanto, como indicado no tópico da candidatura de SP, e também em consulta com outras pessoas, há motivos para acreditar que a proposta cumpre o edital. Enfim, eu não sei mesmo qual lado seria o "mais certo". Infelizmente tive problemas esses tempos todos, e seria muito prejudicial eu tomar qualquer iniciativa diferente ao edital e simplesmente não conseguir estar presente para ajudar a resolver ou simplesmente jogasse no colo de outras pessoas para resolver isso. Como algumas pessoas já devem perceber em algumas conversas, iria gerar insegurança, ameaças de deslegitimizar o processo e tudo mais, ainda mais com ele rolando.

Temos um resultado concreto agora, e podemos analisar a luz disso. Eu realmente me sinto impedido de analisar isso. Mas acho que a gente consegue resolver conversando.

Pessoalmente, em meu nome, eu muito botaria fé da Anapirata em SP antes das eleições e um evento do Partido (iuf? mercosul pirata? reunião de análise de conjuntura?) em Porto Alegre em novembro. Pois se estamos hoje meio desmobilizados (e o resultado da votação meio que indica isso) eu realmente acho que, para esse ano, a Anapirata vai servir para mobilizar as pessoas a articular de maneira mais qualificada após, ainda mais com uma das eleições mais interessantes dos últimos tempos no meio disso. No meu mundo ideal, Anapirata -> mobilização -> Evento pirata em 2016 ainda para a gente fazer análise de conjuntura.

Claro que me disponho a ajudar no evento que tiver em qualquer lugar (e sei que estou devendo algumas coisas para algumas pessoas que quero matar até semana que vem).

SW

Silva Wagner Thu 24 Mar 2016

alguma coisa no rio.. olimpiadas

DU

[deactivated account] Thu 24 Mar 2016

Você pretende realmente fazer alguma coisa no Rio?

DSC

Dagmar Silnara Camargo Thu 24 Mar 2016

Comunico o cancelamento dos locais que reservei em Porto Alegre para a realização da AnaPirata em novembro de 2016, e lamento que tenham aprovado uma proposta incompleta e que nem cumpria o edital, tanto que agora estão pedindo 15 dias para fazê-lo, e ainda ignoraram a função bloqueio, além da demora em adicionar nossos votos, e sei pois pra Luciana poder votar tivemos de interferir junto ao responsável pelo aceite.
Aproveito para me afastar deste Partido em construção que pelo visto segue não muito diferente dos outros lamentavelmente.

KBP

Kristian Brito Pasini Thu 24 Mar 2016

Que pena que você foi tão ávida em cancelar tudo e chutar o balde sem conversar, Dagmar.

Essa proposta funcionaria muito bem prum evento pirata internacional Sul americano, talvez no ano que vem... mas queimando as pontes e cortando os laços antes de conversar, fica difícil mesmo, até para discutir o resultado do edital.

D

DanPrazeres Thu 24 Mar 2016

Dagmar, só uns pontos:
- como explicado no outro tópico, uma das únicas votações análogas que tivemos a essa foi a da sede anapirata passada, que contou com o mesmo sistema de votação (o texto do tópico foi ipsi literis, e dizia isso). Se bloqueio fosse considerado, nós teríamos pessoas reclamando que passamos (coletivo inteiro) por cima de regras previamente estabelecidas.
- não há registro de pedido da Luciana Chaves para entrar no subgrupo referido, sendo que ela entrou quando foi adicionado todo mundo. Isso é, não há registros nem no loomio e nem na notificação do email dessa solicitação. Portanto, ela não fez como você, que pediu para entrar no grupo dia 9 de março, e teve a solicitação aceita no mesmo dia. E espero que o "nossos votos" seja referido aos votos de todas as pessoas para ambas as sedes, pois o procedimento, que eu saiba, foi o mesmo para todo mundo.
- O pedido de 15 dias reflete uma tentativa de acordo por parte da pessoa que sugeriu (acho que o Kristian). A gente pode discutir e tudo o mais.

LC

Luciana Chaves Thu 24 Mar 2016

Fiquei 3 dias tentando votar e não havia opção, também não era possível deixar comentário. Pensei que era o meu note que estava meio trancado, pedi a Dagmar para fazer uma visita à casa dela para poder votar. Achei que era óbvio que todos os associados estariam incluídos automaticamente. Nunca imaginei ter que pedir para ser incluída em um grupo que decide a sede de uma Assembléia Nacional. O que é óbvio para mim, não é óbvio para o partido. Aliás, nada no partido tem obviedade, tampouco objetividade alguma. É uma pena ter que sair por saber que "lutar" não vai adiantar, só perda...

KBP

Kristian Brito Pasini Thu 24 Mar 2016

Wilson e os proponentes de SP não querem 15 dias. Isso foi uma sugestão minha. Lamento que até isso foi distorcido por ti, Dagmar. Difícil, viu?!
=[

WC

Wil Cavalcanti Thu 24 Mar 2016

bom galera, é o seguinte

eu pedi pro Juliano/GTJ confirmar se ele considerava se a proposta era inválida ou não e ele confirmou, sim a proposta de são paulo é inválida

se existe uma instância que serve pra dar legitimidade pra esse tipo de decisão é o GTJ e eu não espero que a secretaria va tomar uma decisão de maneira monocrática a favor de são paulo

ao mesmo tempo não existe esse período de readequação da proposta que o Juliano está pedindo, as regras foram pré-acordadas entre as parte e publicadas durante 40 dias e as propostas ficaram 20 dias durante consultas, além de toda discussão anterior.

não tem como fazer esse negócio de “não passou de ano e vai ficar de recuperação”, seria até injusto com porto alegre que, realmente se esforçaram muito mais do que eu em fazer uma proposta elaborada e coerente

Só que eu não vou tomar essa decisão de maneira monocrática, primeiro vou consultar o pessoal de são paulo. A gente tinha uma reunião marcada pra domingo agora pra discutir a organização da AnaPirata, mas vamos usar ela pra discutir oficialmente nossa posição e redigir um texto que será posteriormente publicado.

Então até Domingo a gente deve ter uma posição oficial definida, mas posso adiantar o seguinte:

O coletivo de São Paulo entende que a Anapirata não é um local, mas um evento a ser desenvolvido de maneira coletiva entre todos os participantes. Se o evento acontecer em Porto Alegre não há nenhum problema e as pessoas irão participar da mesma forma. é mais saudável pra todos dessa forma.

Já pessoalmente, eu não entrei na Política pra fazer as coisas com “jeitinho”, principalmente se as regras foram estabelecidas antecipadamente entre as partes. Apesar de saber que o Partido carrega o nome “Pirata”, ele representa mais um sinal da valorização da liberdade e autonomia em nome de uma sociedade que o rejeita e está indubitavelmente errada. E se nós não conseguirmos praticar o principio de coletividade previsto no Estatuto entre nós, não teremos nenhuma chance contra inimigos muito maiores que nós e não há porque gastar mais energia nisso.

Se algumas pessoas, incluindo pessoas com cargos, resolveram assumir uma determinada posição em relação à nossa proposta, que elas assumam a consequência política dessas posições de maneira adulta e madura, pois o discurso de “empoderamento individual” não pode ser só um discurso por “mais poder”, mas também por “mais responsabilidade”, como diria o meu amigo homem-aranha

WC

Wil Cavalcanti Thu 24 Mar 2016

@lucianachaves e @dagmarsilnaracamar peço licença, eu mandei mensagem pra vocês por telegram e pelo Face, gostaria de conversar com vocês pessoalmente pelo Mumble ou outro canal para podermos conversar e pensarmos na melhor solução possível para esse embróglio.

LC

Luciana Chaves Thu 24 Mar 2016

Dagmer pediu a gentileza de dizer que as discussões da parte dela estão encerradas, pois deveriam ter sido feitas antes, o que não ocorreu.
Da minha parte te responderei lá Wilson.

CP

Chico Prates Thu 24 Mar 2016

Ganhou SP, será em SP(ponto). Não será em Porto Alegre mesmo que SP desista. Repito, não será em Porto Alegre, a proposta perdeu, simples assim.
E não tem nenhuma mágoa ou reclamação no que estou dizendo.
Ainda em 2016 apresentaremos uma proposta que venho tentando criar forma desde 2013.
A Latinoamerica Pirata, nome provisório.
A ideia é ser um grande acampamento pirata. No começo de 2017, com hospedagem, alimentação e transporte interno com custos mínimos ou até sem custos. Apresentarei a proposta junto ao coletivo do RS e dela partira de todos e todas a colaboração e melhorias necessárias.
Quanto a saída de integrantes do nosso coletivo, só tenho a lamentar. Entendo os prováveis motivos mas não concordo que as coisas sejam feitas e postas desta forma.
Espero que SP nos dê certezas quanto a data, local e custos o mais rápido possível. Para acabar com esse sentimento de incerteza e/ou desconfiança. No que puder ajudar estou a disposição.
Sou hoje um dos mais antigos integrantes dos Piratas no RS, e não deixarei esse partido em hipótese alguma. Mesmo que fique sozinho aqui. Só se me derrubarem por algum motivo para eu sair. Não luto desde 2012 para ver tudo se perder por qual seja o motivo.
Em tempo:
Esse processo de pedir entrada para votar foi lamentável, e estava claro que daria problema.
Mas isso não diminui e nem altera em nada a vitória de SP.

LS

Leonardo Sampaio Fri 25 Mar 2016

Sim, a vitória foi de SP. As pessoas querem muito realizar a assembleia em SP. A localização é ideal. Os problemas apontados são de possível correção. Voto por uma mobilização nacional, em especial das pessoas de SP, para ajudar o Wilson a concluir o que falta no projeto.

Ou: Já passou da hora de dar pitaco. Agora precisamos de gente ajudando a concretizar a ANAPIRATA em SP. Não é justo deixarmos tudo na mão do Wilson. Cada pessoa tem que ajudar um pouco.

PS. Isso assumindo que o @desci também tenha desistido, no dia em que a Dagmar renunciou. Se @desci ainda sustenta a proposta, aí temos que ouvir a opinião dele antes de mais nada.

KBP

Kristian Brito Pasini Fri 25 Mar 2016

Todo mundo aguardando o @desci pra seguir em frente.

SW

Silva Wagner Fri 25 Mar 2016

@desci só irei falar com ele no facebook. porra de criptografia e mil e um sites em uma noite

WC

Wil Cavalcanti Mon 28 Mar 2016

Em reunião realizada nesse domingo (27/03/16), nós do Coletivo e Diretório de São Paulo decidimos manter a proposta apresentada no Edital de Seleção da AnaPirata conforme foi apresentada, em respeito aos votos concedidos e ao processo de escolha da sede - definido previa e publicamente entre todas as partes - para que seja celebrada ou não como proposta escolhida pelos demais membros do Coletivo Nacional.

Concordamos que outras alternativas em estudo, como conceder um período de readequação da proposta de São Paulo a itens do edital, configuraria uma condição assimétrica e desrespeitosa em relação à proposta de Porto Alegre, que certamente foi elaborada com esmero e mais extensivamente que a proposta de São Paulo à qual não foi oferecida a mesma chance. Entendemos que poderia ter sido previsto um prazo para contestação e apreciação pelo GTJ e um prazo para aprimoramento das propostas - mas isso deveria ter sido realizado antes da votação, para que as propostas concorressem em pé de igualdade, e além disso, não estão previstos no edital.

Assim, considerando os pontos acima expostos, entendemos haver 3 caminhos para esta situação:

1) Caso se considere que a proposta de fato não cumpre os requisitos do edital, seja então declarada inválida, procedendo à escolha natural de Porto Alegre como sede, respeitando as condições previstas no Edital, se assim mantiverem o interesse;

2) Caso se considere que ambas propostas não atendem o Edital ou que o Edital como um todo é insatisfatório - pela não previsão de algumas situações que culminaram nesse impasse -, ou ainda caso haja invalidação da proposta de São Paulo e ao mesmo tempo desistência de Porto Alegre, que seja revisto o procedimento e celebrado um novo Edital com prazo pra apresentação de novas propostas;

3) Caso sejam desconsideradas as possibilidades não previstas no edital ou caso seja entendimento comum que a votação prevaleça sobre a contestação tardia das características da proposta, que esta seja aceita como escolhida de forma oficial, ainda que não satisfaça os anseios de todos, mas que possa servir como um ponto de partida sobre o qual convidamos todos para trabalhar juntos e melhora-la, sendo anotados os pontos de conflito para aprimoramento dos próximos editais.

Assim, colocamos a proposta à disposição dos demais membros do Coletivo Nacional.

IG

Iuri Guilherme Mon 28 Mar 2016

Em relação à Dagmar

A Dagmar assim como eu é funcionária pública e assim como eu está em licença de saúde e assim como eu não deveria se dedicar a este tipo de coisa e assim como eu insiste no erro provavelmente porque assim como eu, só enxerga o caminho da solução das merdas diárias que se vê na rua através da política.

Ela teve uma dedicação que a turma que gosta de elogiar deveria estar exaltando, reconhecendo, dando troféu e medalha como costumam fazer e ironicamente agora que era cabido não estão fazendo. Foi a @dagmarsilnaracamar que correu atrás desses lugares, garantiu comida, wifi e colchão pra essa tropa.

Porque não tem como "cagar" uma proposta. Eu só consegui formatar um texto e me manter no tópico explicando porque teve alguém que pegou uns ônibus, fez umas ligações, mandou umas mensagens e criou as condições necessárias pra eu poder afirmar que vai ter lugar, transporte, comida e internet.

Sim, ela deve ficar irritada com muita coisa que acontece porque ela ta desde antes de eu nascer queimando cartucho, perdendo chance de se vender e batendo cabeça na política e já deve estar na fase de não suportar mais cabacices. Deve ser angustiante ver a gurizada nova tropeçando nos cadarços, ainda mais quando se arrogam muito politizados. Então quem for desmerecer a cólera dela com leviandades, lave a boca três vezes antes de falar ou escrever uma besteira.

Sobre a proposta de São Paulo

Já que cabe a mim colocar isto em palavras, sim, registre-se que a proposta que o @wilsonlira produziu é praticamente uma não proposta, como ele mesmo disse, é o cumprimento da responsabilidade que ele assumiu e infelizmente ninguém ou pouca gente ajudou ele, ele não tinha uma "Dagmar" nem um "Iuri" lá em São Paulo. Se tinha, não ajudou quando era a hora. Podia ter mandado um pdf com "quem sabe a gente faz em São Paulo" que ia dar na mesma.

Veja bem @wilsonlira, não estou desdenhando teu trabalho, desculpa, a proposta foi fraca sim, isto tem que ser colocado em palavras, eu to criticando as pessoas que não ajudam, e não tu.


Inclusive, aproveito pra reivindicar que toda a atenção que deram agora depois que já passou elaboração de edital, votação e etc. podia ter sido melhor aproveitada pra construir o negócio com mais gente.

Mas não, as pessoas preferem que dois ou três façam tudo pra poderem ficar reclamando do resultado depois. Não estamos falando de gente que não teve condições pra agir quando era a hora, estamos falando de gente que têm tempo de sobra pra colaborar e não obstante só se manifesta quando é hora de ficar quieto.


Se de acordo com o edital a proposta de São Paulo é válida ou não, isto deve ser decidido através de diálogo com as pessoas que têm responsabilidade e que serão cobradas, como a gente fez no grupo de telegram "secretaria colegiada" pra botar o edital no ar.

Eu acho que nessa altura está óbvio pra todo mundo que a conveniência de decidir "de qualquer jeito" é mais importante pra todo mundo do que fazer as coisas "certinho" que nem ta escrito no edital. Prova disto é as justificativas que as pessoas escreveram nos votos.

Então sim, gostando de admitir isto ou não, a maioria aqui concorda que o #JeitinhoBrasileiro que pode ser o "mambembe beligerante" ou o "razoável bompratodos" é o melhor caminho e o #JeitoCerto de levar os papéis amarelos ao pé da letra é uma burocracia imposta pra nos oprimir. Herança de uma república que ainda não deu certo, provavelmente.

Sobre ganhar e perder

Todo mundo que falou em vitória e derrota foi infeliz.

Não tinha nenhuma disputa entre Porto Alegre e São Paulo pra alguém vencer ou perder.

Existiam sim disputas fabricadas alheias ao escopo da ANAPIRATA, das quais eu participei e ainda participo ativamente de algumas. Estas disputas são totalmente desvinculadas da realidade e eu achava que todo mundo tinha consciência plena disto.

Não confundam as fantasias que inventamos com o mundo real e com assuntos sérios, gurizada. Atrapalha, tem gente que leva a sério as criancices que a gente usa pra tentar se entender, quando vocês falam como se fosse coisa séria.

Bloqueio e acesso ao loomio

Tava claro no enunciado que só conta voto "concordar". O @danprazeres fez desta forma e está certo, mas podia ter sido feito de outra forma, tinha que ter sido definido antes. Se começar a definir agora, acho que até a próxima a gente conserta. Senão fica de dois em dois anos repetindo o mesmo erro.

Eu cheguei a fazer um esforço mínimo com o GTC pra divulgação e deixar claro o procedimento, mas eu tenho limites de atuação e comprar mais briga do que eu já to metido não era possível. Se alguém não conseguiu votar é porque o processo inteiro tem que ser mais simplificado ainda.

Desistência, ragequit e mimimi

Ninguém desistiu de nada. Não ta morto quem peleia.

CP

Chico Prates Mon 28 Mar 2016

Deixo aqui meu elogio a todo o trabalho que a @dagmarsilnaracamar fez nos Piratas não só pra esse evento como para outros que já aconteceram. Eu fui um dos primeiros a mostrar os Piratas pra ela. Sempre teve meu respeito e admiração. Discordo de algumas atitudes dela como por certo ela discorda de atitudes minhas, faz parte de um convívio dentro de um partido, associação, comunidade.
O que não concordo é com a saída dela e da forma que foi feita e posta. Mas quem sou eu para falar de forma e postura de atos de uma mulher que luta por direitos humanos há 40 anos? E que sempre tivemos uma relação cordial de respeito e até amizade?
Eu fico é chateado com a saída dela e da Luciana.
E essa retirada do local, e aqui está uma das minhas críticas, a Dagmar acabou não explicando mas ao reservar o local, voltar atrás fica muito ruim. Entendo que ela tenha feito isso com uma forma de não se queimar com as pessoas que ajudaram ela na reserva desses espaços. Avisou o cancelamento o mais rápido possível.
Só que aqui isso não tinha ficado claro. Acho que esclareci, espero.
@desci Quanto a chamar de vitória e/ou derrota, preciosismo. Quanto a desistência de Porto Alegre, não existe mais a proposta, a Dagmar "desreservou" os locais. Não tem peleia.
A peleia agora é torcer e ajudar no que for possível, que SP faça uma proposta com valores reais e baratos para ver se alguém aqui do RS vai ter dinheiro pra ir.
Quanto a alguma ofensa a Dagmar, ao Valter, ao Iuri(desci) só falando neste caso de alguns do coletivo daqui, chega né. Já cansou faz tempo isso. Vamos parar de nos atacar, tá chato isso. Isso já tirou uma "cacetada" de gente do partido.
E cabe no mínimo um retratamento e pedido de desculpas de quem ofendeu.. mas pode ser pedir demais. Seria o ideal, e se alguém se sentiu ofendido por mim é só vir falar comigo.
SP foi escolhida, está apta par dar o encaminhamento tardio de algumas coisas que já deveriam estar colocadas, o mais rápido possível. Mas sem atropelos e interesses em fazer antes da eleição por motivos pessoais e assim alheios ao partido.

LS

Leonardo Sampaio Tue 29 Mar 2016

Fico feliz em saber que a proposta continua válida, conforme nos confirmou @desci. Isso demonstra que por trás de uma aparente desistência da Dagmar, as pontes que ela criou continuam firmes. Espero muito não perdermos de vez os laços com ela. E vou continuar levando adiante projetos dela, independente de ela estar ou não vinculada ao Partido Pirata. A gente precisa valorizar e apoiar boas ideias.

CP

Chico Prates Tue 29 Mar 2016

@leonardosampaio você leu o que a Dagmar escreveu?
Não existe mais a proposta de Porto Alegre pois os locais não estão mais reservados. Essa é a informação.
E a Dagmar fez o correto. Se outra cidade vai organizar e fazer porque continuar reservando locais que não serão utilizados?

EB

Ederson Brilhante Tue 29 Mar 2016

haja saco pra aguentar tanto mimimi, pq fazem tantos ataques as pessoas? pqp. SP não tinha a melhor proposta(pq faltando detalhes de ter certeza dos valores e lugares e datas), mas a maioria votou por aceitar. Agora é questão do pessoal de SP trabalhar para agilizar as coisas q faltam, bem como pessoal de outros estados auxiliarem para que possamos fazer uma parada maneira e organizada, botando na ponta do lapis as coisas que deram certo e errado em Curitiba(I ANAPIRATA).

EB

Ederson Brilhante Tue 29 Mar 2016

O ideal seria numa data que não seja alta temporada de viagens para facilitar as pessoas conseguirem ir pra SP.

IG

Iuri Guilherme Wed 30 Mar 2016

Eu deixei propositalmente meu guarda chuva na casa da Dag e vou resolver isto, parem de falar pelas prendas.