Loomio
Mon 19 Oct 2015

Parlamentares realmente representativos

LCV
Lucas Clemente Vella Public Seen by 257

Recentemente vi na Internet uma imagem sobre a representatividade do congresso nacional, mostrando a porcentagem de uma categoria que compõe a população em geral e a porcentagem da mesma categoria no congresso. Todo mundo aqui deve ter visto essa imagem.

Isso me deu uma ideia para deixar o congresso quase totalmente correspondente com a população: e se em vez de elegermos os nossos parlamentares, nós sorteássemos entre a população em geral? Cada eleitor é um candidato, e não tem a possibilidade de ser removido do sorteio: caso ela seja sorteada e recuse o cargo, sorteemos novamente (talvez a pessoa possa apontar alguém para o cargo, não sei se isso é uma boa ideia).

Em questões práticas, o sorteio pode ser feito com algum algoritmo determinístico sabidamente indefraudável, como hashes criptográficos e tal, dá pra bolar um sistema bem seguro nesse aspecto.

As pessoas são sorteadas um tempo antes de assumirem o cargo, e nesse tempo fazem um curso sobre os deveres do seu cargo público e o funcionamento da câmara de vereadores/deputados.

O que vocês acham da ideia?

V

Valter Mon 19 Oct 2015

eu gostei da ideia. ela dialoga diretamente com a proposta do Sudeste sobre participação direta e o diálogo que foi sugerido. ela está de acordo tb com um propósito, o de que a representatividade não esteja restrita a grupos econômicos e de interesses de grandes corporações.

TVA

Taiguara Villela Aldabalde Mon 19 Oct 2015

Eu também gostei da ideia!!!

WG

Wellington Gonçalves Wed 28 Oct 2015

Penso que uma proposta mais próxima à de ''parlamentares virtuais'' se encaixaria melhor.As pessoas da população terem poder de decidir diretamente sobre questões importantes como destinação de verba pública,por exemplo,é algo que julgo ser mais interessante.Tanto que essa tese ''cumpre'' como solução à essa problemática da representatividade instituindo uma espécie de ''máscara'' sobre os parlamentares,tornando sua identidade social,fenótipo ou condição econômica irrelevantes à tomada de decisão.